Últimas notícias

A aventura pop da voz dos Young Marble Giants

Texto: NUNO GALOPIM

Lançado em 1990 ‘Cardiffians’, o segundo álbum da dupla que reunia Alison Statton e Ian Devine deu-nos um dos mais belos discos de canções pop da última década do século XX.

De certa maneira eram um grupo “ele” e “ela”. Ele tinha passado pelos Ludus, como guitarrista. E ela era nem mais nem menos a voz dos míticos Young Marble Giants e, com apenas 21 anos, assinara com o grupo um daqueles raros álbuns que ficara na lista dos “essenciais” da história pop/rock. Editado em 1980 Colossal Youth é um dos paradigmas de referência do minimalismo ao serviço da canção, dando contas de como pouco se podia fazer muito. Depois da dissolução do grupo Alison Statton formou os Weekend, com quem caminhou por alguns tempos por trilhos de uma pop, ainda gourmet, embora mais luminosa, com travo jazzy, que podemos recordar, sobretudo no álbum de 1982 La Varieté. Em poucos anos Alison Statton assinara dois dos mais importantes (não confundir com mediáticos e comercialmente bem sucedidos) dos álbuns da pop dos anos 80. Como se diz que não há dois sem três, há que procurar o terceiro. E chegou, de facto, alguns anos depois, em novo projeto, desta vez em parceria com Ian Devine, com o qual criou uma dupla que, entre finais dos anos 80 e inícios dos noventas, nos deu dois magníficos álbuns de canções, o primeiro essencialmente definido em terrenos acústicos, o segundo ensaiando arranjos mais elaborados. É este segundo que hoje vamos lembrar. Mas passemos, antes, pelo primeiro…

Editado em 1989 The Prince Of Wales é, mesmo distante da política de contenção e poupança de recursos de uns Young Marble Giants, um exemplo do que se pode fazer perante uma lista magra de ingredientes (mas bem vitaminada no departamento do talento). O disco revelava uma bela colecção de canções, a voz de Alison Statton, por vezes evocando heranças da folk, dialogando fluentemente com a guitarra e a escrita de Ian Devine, seja entre originais absolutamente magníficos como Under The Weather ou We Deserve It ou na versão, despida aos mínimos de uma nudez acústica, de Bizarre Love Triangule (dos New Order) numa leitura que curiosamente amplifica o sentido das palavras que o original do grupo de Manchester não convidava a escutar numa primeira audição.

Tal como o disco seguinte (e último) da dupla – que então se apresentou simplesmente como Devine & Statton – o álbum foi editado pela independente belga Les Disques du Crépuscule (onde então militavam nomes como os de Anna Domino, Isabelle Antena ou Wim Mertens).

Depois da estreia em The Prince Of Wales o ano de 1990 viu o duo mergulhado numa campanha de homenagem feita de canções ao País de Gales, e sobretudo à cidade de Cardiff, onde Alison nascera. O álbum é um dos melhores discos pop dos anos 90, cruzando as atmosferas delicadas e sugestões do espaço visitado sob diálogo com uma pop suave, adulta e discreta, essencialmente feita de melodias talhadas voz e guitarra, como acontecera no álbum de estreia do duo. Todavia, Cardiffians acrescenta ao som de Alison e Ian um corpo mais ambicioso nos arranjos e uma energia mais luminosa na arte final, sobretudo através de pontuais presenças mais óbvias de teclados, plácidos suportes rítmicos e, pontualmente, metais (como se escuta no single Hideaway, que evoca a pop solarenga dos Weekend). Notam-se as presenças de convidados como Marc Ribot (guitarra) ou Peter Hook (ex-New Order, no baixo). A voz de Alison continua a falar-nos como em sonhos, e a escrita de Ian Devine consegue registar marcas do real sem romper o ambiente que a voz e melodias sugerem. Tal como no primeiro disco, também aqui há uma versão, desta vez o mais remoto Don’t It Make My Brown Eyes Blue, de Crystal Gayle. 25 anos depois, canções como Crestfallen, Hideaway, Lovers Get In The Way ou o contagiante Enough Is Enough (onde o baixo de Hook se evidencia nas notas finais) sabem ainda a qualquer coisa leve, sedutora, diferente em sem tempo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: