Últimas notícias

‘Birdman’, de Iñárritu, vence a noite com quatro Óscares

O filme do realizador mexicano venceu quatro Óscares, tantos quanto os conquistados por ‘Grand Budapest Hotel’, de Wes Anderson. Veja aqui a lista completa dos premiados.

Birdman ou (a Inesperada Virtude da Ignorância), com tantos Óscares como Grand Budapest Hotel, foi o vencedor da noite, conquistando entre outros o prémio de Melhor Filme. O mexicano Alejandro González Iñárritu venceu, como era esperado, o Óscar para Melhor Realizador por este filme, que triunfou ainda nas categorias de Melhor Argumento Original e Melhor Fotografia.

O segundo prémio da noite foi para Melhor Guarda Roupa. Milena Canonero venceu o seu quarto Óscar, desta vez pelo seu trabalho em Grand Budapest Hotel. Logo a seguir Frances Hannon e Mark Coulier deram mais um prémio ao mesmo filme de Wes Anderson na categoria de Melhor Caracterização. Adam Stockhausen e Anna Pinnock venceram depois o terceiro Óscar para este mesmo filme na categoria de Direção Artística. Mais adiante na cerimónia conquistaria ainda o Óscar pela Banda Sonora.

Sem surpresa Eddie Redmayne venceu o Óscar de Melhor Ator pela sua interpretação da figura de Stephen Hawking em A Teoria de Tudo. Igualmente esperada era a vitória, confirmada, de Julianne Moore como Melhor Atriz pelo seu papel em O Meu Nome É Alice.

O papel interpretado em Boyhood valeu a Patricia Arquette o Óscar de Melhor Atriz Secundária. O discurso de aceitação foi politicamente incisivo, alertando para a necessidade de lutar pela igualdade de género nos EUA.

O filme polaco Ida foi o vencedor do Óscar de Melhor Filme Estrangeiro. O realizador Pawel Pawlikowski não se deixou intimidar pela orquestra e não parou os agradecimentos, falando mais que o previsto…

Depois de um número musical de abertura protagonizado por Neil Patrick Harris, o primeiro prémio distinguiu o Melhor Ator Secundário. Venceu, sem surpresa, J.K. Simmons, pelo trabalho em Whiplash – Nos Limites. O filme venceria depois um Óscar na categoria de Mistura de Som. E um terceiro, para Tom Cross, por Melhor Montagem.

O prémio para Melhor Montagem de Som coube a Sniper Americano.

Noite de glória para a Disney, que arrebatou as duas categorias na animação com Big Hero 6  Os Novos Heróis e a curta Festim.

Uma homenagem a Música no Coração, com Lady Gaga a cantar um medley de canções do filme, levou a palco a atriz Julie Andrews, protagonista do filme que celebra este ano 50 anos de vida. Foi a ovação da noite, precedendo a entrega do Óscar de Melhor Banda Sonora, atribuído a Alexandre Desplat, pela música de Grand Budapest Hotel.

O argumentista de O Jogo da Imitação, Graham Moore, que venceu um Óscar como autor do Melhor Argumento Adaptado, deu o discurso mais pessoal e emotivo da noite, numa mensagem de força a todos os que, como ele em tempos viveu, se sentiram estranhos ou diferentes.

Lista completa de vencedores:

Melhor Filme
Birdman ou (a Inesperada Virtude da Ignorância)

Melhor Realizador
Alejandro González Iñárritu, por Birdman ou (a Inesperada Virtude da Ignorância)

Melhor Ator
Eddie Redmayne, em A Teoria de Tudo

Melhor Atriz
Julianne Moore, em O Meu Nome É Alice

Melhor Ator Secundário
J.K. Simmons, em Whiplash – Nos Limites

Melhor Atriz Secundária
Patricia Arquette, em Boyhood – Momentos de Uma Vida

Melhor Argumento Original
Birdman ou (a Inesperada Virtude da Ignorância), de Alejandro G. Iñárritu, Nicolás Giacobone, Alexander Dinelaris, Jr. & Armando Bo

Melhor Argumento Adaptado
O Jogo da Imitação – Graham Moore

Melhor Direção de Fotografia
Birdman ou (a Inesperada Virtude da Ignorância) – Emmanuel Lubezki

Melhor Montagem
Whiplash – Nos Limites – Tom Cross

Direção Artística
Grand Budapest Hotel – Adam Stockhausen e Anna Pinnock

Melhor Guarda Roupa
The Grand Budapest Hotel – Milena Canonero

Melhor Caracterização
Grand Budapest Hotel – Frances Hannon e Mark Coulier

Melhor Filme em Língua Estrangeira
Ida (Polónia), de Pawel Pawlikowski

Melhor Banda Sonora
Grand Budapest Hotel, de Alexandre Desplat

Melhor Canção
Glory, em Selma – John Legend e Common

Montagem de Som
Sniper Americano – Alan Robert Murray e Bub Asman

Mistura de Som
Whiplash – Nos Limites – Craig Mann, Ben Wilkins e Thomas Curley

Efeitos Visuais
Interstellar – Paul Franklin, Andrew Lockley, Ian Hunter e Scott Fisher

Curta-Metragem em Imagem Real
The Phone Call, de Mat Kirkby e James Lucas

Melhor Documentário (longa metragem)
Citizenfour, de Laura Poitras

Melhor Documentário (curta-metragem)
Crises Hotline: Veterans Press 1, de Ellen Goosenberg Kent e Dana Perry

Longa-Metragem de Animação
Big Hero 6 – Os Novos Heróis, de Don Hall, Chris Williams e Roy Conli

Curta-Metragem de Animação
Feast, de Patrick Osborne e Kristina Reed

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: