Últimas notícias

Astaire e Rogers: o futuro de American Horror Story?

Texto: NUNO CARDOSO

As pistas começam a fazer sentido. ‘American Horror Story: Hotel’, que chega em outubro, tem piscado o olho a ‘Chapéu Alto’, o clássico de 1935 com Fred Astaire e Ginger Rogers. Em 2015, tudo muda para a série antológica de Ryan Murph: Jessica Lange, cabeça de cartaz, quer ficar de fora e Lady Gaga está pronta para entrar em ação.

Ginger Rogers e Fred Astaire em 'Top Hat'

“Heaven, I’m in heaven, and my heart beats so that I can hardly speak , and I seem to find the happinness I seek, when we’re out together dancing cheek to cheek”, cantava um apaixonado Jerry ao dançar ao lado de Dale. Estávamos em pleno verão de 1935. Nessa altura, ninguém acreditaria que o glamour, a sofisticação, o romantismo, a musicalidade e a diversão de Chapéu Alto, a comédia musical realizada por Mark Sandrich e um dos mais populares e rentáveis filmes da icónica dupla Fred Astaire e Ginger Rogers, fosse a inspiração para uma série com o nome de American Horror Story. Mas tudo indica que assim será.

Depois da infidelidade dentro de uma casa assombrada em Murder House, da exploração macabra da sanidade mental e da religião num hospício em Asylum, da bruxaria, magia negra e do feminismo de Coven, e de um circo de figuras bizarras no pós-II Guerra Mundial em Freak Show, a série antológica assinada por Ryan Murphy vai beber inspiração à chamada primeira golden era de Hollywood.

O autor confirmou esta semana que, no final da quarta temporada da série, exibida por cá na Fox, a principal pista para o que aí vem estava na cena em que Maggie (Emma Roberts) bebia café através de um copo de plástico onde se vê um chapéu alto e preto desenhado. O filme de Astaire e Rogers passa-se, maioritariamente, num Hotel (o nome da nova temporada). Ainda, o tema mais popular do clássico da sétima arte, Cheek To Cheek, é precisamente o título do último disco de Lady Gaga, aqui em parceria com Tony Bennett.

A voz de Bad Romance é a primeira confirmação no elenco de American Horror Story: Hotel: foi a própria a revelar o subítulo da antologia criada em 2011 num vídeo publicado nas redes sociais. Num ano em que tudo parece mudar para o projeto que já venceu oito Emmys e um Globo de Ouro, os responsáveis já adiantaram que 2015 será sinónimo de “reinvenção total”.

A estreia de Lady Gaga como atriz no pequeno ecrã – já participou em dois filmes – encara, de resto, uma encruzilhada de dúvidas quanto ao próximo elenco da antologia que tem primado por manter grande parte dos atores entre temporadas, mas com personagens diferentes. Jessica Lange, a grande cabeça de cartaz e praticamente a imagem de marca da série, já avisou que não quer continuar em American Horror Story por mais um ano para se dedicar a voos diferentes.

Ainda, Sarah Paulson, outra regular do projeto, vai estar ocupada a gravar American Crime Story: The People vs. O.J. Simpson, a nova série de Ryan Murphy que vai marcar o regresso de John Travolta à TV. Emma Roberts estará focada nas gravações de outra produção televisiva do mesmo criador, Scream Queens, ao lado de Lea Michelle e Ariana Grande. E Taissa Formiga mudou-se para uma nova série criminal que arranca este ano no ABC. O elenco começa a ficar despido. Um virar de página na série de Ryan Murphy, não há dúvidas. Para melhor ou pior? Só outubro dirá.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: