Últimas notícias

Kendrick Lamar e Taylor Swift numa noite de Grammys sem um vencedor maior

A noite de premiações nos Grammys fez Kendrick Lamar regressar a casa com o maior número de prémios (cinco no total), mas nenhum deles entre os principais, e quatro deles representando a totalidade das categorias de Rap. Aí as coisas ficaram divididas de forma mais equitativa. Taylor Swift foi premiada com o Álbum do Ano, por 1989, um dos três Grammys que recebeu (outro deles para Melhor Álbum Pop Vocal, o terceiro para Melhor Vídeo, com Bad Blood). Mark Ronson e Bruno Mars arrebataram o prémio de Recording of The Year com Uptown Funk, que venceu ainda a categoria de Melhor Performance Pop por um Duo ou Grupo. E Ed Sheeran, com Thinking out Loud, chamou a si o prémio para Canção do Ano. O melhor estreante – Best New Artist – foi Meghan Trainor.

Entre a vasta premiação há que assinalar uma distinção para Maria Schneider pelos arranjos de Sue (or in a Season of Crime), de David Bowie. Os Alabama Shakes e os Muse foram os mais distinguidos em terreno rock, D’Angelo e The Weeknd, em solo R&B e Srkrillex na música de dança. Amy, de Asif Kapadia, foi considerado o Melhor Filme Musical

Podem ver aqui a lista completa dos vencedores.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: