Últimas notícias

O cinema, os sabores e a cultura de Itália regressam a Lisboa

Texto: RUI ALVES DE SOUSA

A nona edição da 8 1/2 Festa do Cinema Italiano conta com alguns dos filmes mais relevantes da atualidade, mas há também um habitual regresso aos clássicos de sempre.

O regresso da Festa do Cinema Italiano faz-se com muitas novidades. O festival vai exibir alguns dos filmes italianos mais aguardados e premiados do momento, onde se destaca o filme de super-heróis Lo chiamavano Jeeg Robot de Gabriele Mainetti, o drama criminal Non essere cattivo  (filme póstumo de Claudio Caligari e candidato italiano aos Oscar de Melhor Filme Estrangeiro de 2016), e Suburra, a segunda longa-metragem de Stefano Sollima (realizador da série Gomorra, que o 8 1/2 exibiu em 2015).

Esta nona edição fica também marcada pela incursão de realizadores italianos em produções internacionais. Matteo Garrone (cujos filmes Gomorra e Reality estrearam entre nós) é o autor do filme que foi projetado na sessão de apresentação da Festa, O Conto dos Contos, um filme de fantasia com três contos morais que misturam o amor, a magia e o horror. Mergulho Profundo é outra produção que teve apoios de vários países e que também contou com um ensemble cast, e que conta uma história da viagem de um casal, do seu encontro com um antigo amigo e a sua filha, e das consequências misteriosas que daí advirão.

O festival aproveitou também para recuperar o filme ao qual pediram emprestado o nome. Realizado por Federico Fellini, 8 1/2 é um filme de memórias e sonhos, considerado por muitos críticos como um dos grandes filmes da História do Cinema. É a oportunidade de ver, ou rever, em cópia digital restaurada, e ao longo de todo o festival, o clássico protagonizado por Marcello Mastroianni. À boleia desta reposição, chega até nós uma grande exposição de fotografias de rodagem de 8 1/2, espalhada entre vários locais de Lisboa e Porto

E há outros clássicos: em homenagem ao falecido Ettore Scola, o 8 1/2 preparou uma selecção de títulos da obra do realizador, entre os quais se encontram os célebres Feios, Porcos e Maus e A Ultrapassagem (realizado por Dino Risi e escrito por Scola).

Até 7 de Abril, a Festa do Cinema Italiano vai estar por Lisboa, com os filmes a serem exibidos no Cinema S. Jorge, na Cinemateca Portuguesa e, pela primeira vez, no cinema UCI do El Corte Inglés. Depois da capital, a “festa” vai caminhar por outros pontos do país e, mais tarde, partirá para Angola, Moçambique e Brasil.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: