Últimas notícias

“The Chocolate Invasion”: uma coleção digital de canções da viragem do milénio

Texto: NUNO GALOPIM

Em março de 2004 Prince lançou três álbuns em simultâneo. Este disco, com apenas expressão digital, juntava diversos temas de um projeto pensado para ter conhecido edição em 2000 mas que acabou por ser arquivado.

O dia 29 de março de 2004 conheceu não um nem dois, mas três lançamentos simultâneos de Prince. Um deles, Musicology, chegaria pouco depois ao circuito mais convencional de distribuição, com uma edição em CD feita com distribuição da Sony Music. Ao mesmo tempo, mas apenas em formato digital acessível aos assinantes do NPG Music Club, eram dados a ouvir dois conjuntos de canções, cada qual sob um título comum distinto (sugerindo assim a noção de álbum), as ambos conhecidos como, respetivamente, os volumes um e dois de Trax from the NPG Music Club.

O primeiro destes dois volumes tem por título The Chocolate Invasion e na verdade não corresponde exatamente a material novo expressamente criado para este álbum já que a maior parte dos dez temas do alinhamento já constavam do praticamente terminado, mas nunca editado, High, mais um entre os muitos álbuns de Prince que acabaram por nunca conhecer edição na forma originalmente concebida pelo músico. Crê-se, por isso, que estes temas tenham sido gravados em Paisley Park entre 1999 e o ano 2000.

Na verdade, de todo o alinhamento que então ali se apresentava, só The Dance (que mais tarde surgiria com outra versão em 3121) era uma peça nova já que os restantes tinham estado disponíveis no site oficial de Prince em 2001, embora alguns deles sob outros arranjos e por vezes versões diferentes (inclusivamente no plano das letras).

Três das canções de The Chocolate Invasion – nomeadamente Supercute, Underneath the Cream e Gamillah (que conheceu lançamento pela New Power Generation) – chegaram até a conhecer edição em lançamentos limitados em CD Single. Um dos temas, You Make My Sun Sunshine, uma balada na qual participa Angie Stone, chegou a ter um teledisco filmado (embora pensado para o arquivado High).

O alinhamento é diverso nos caminhos que a música segue, não se afastando muito do corpo de trabalho de Prince na viragem do milénio, embora sem o mais vincado cunho jazzístico de The Rainbow Children, de 2001.

O álbum, tal e qual foi apresentado em 2004, seria a primeira parte de um projeto maior de sete discos que, contudo, acabou por nunca se materializar. Em 2015, embora sob um acoplamento diferente, este disco esteve disponível na plataforma Tidal.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: