Últimas notícias

Quadros que ganham vida numa nova exposição

Texto: NUNO GALOPIM

Numa nova colaboração com a Orquestra Filarmónica de Viena, o maestro venezuelano Gustavo Dudamel apresenta um conjunto de obras russas que tem como peça central “Quadros Numa Exposição” de Modest Mussorgsky.

Modest Mussorgsky (1839-1881) era um dos elementos do chamado “grupo dos cinco” (que a eles juntava ainda Borodin, Balakriev, Cui e Rimsky-Korsakov), um conjunto de músicos que procuraram, com centro de trabalho e reflexão na cidade de São Petesburgo, definir novos caminhos para a música russa, contrariando fundamentalmente uma série de regras e modelos “importados” da música ocidental então em voga. A sua demanda procurava a criação de uma identidade russa na música, o que foram definindo através do recurso a elementos da sua história, folclore e outras temáticas com vincado fundo nacionalista. Uma das obras que hoje retrata essa mesma procura, e que representa também uma das mais reconhecidas manifestações do talento de Mussorgsky, é o conjunto de peças para piano que compôs em 1874 sob o nome como Quadros Numa Exposição, em homenagem ao seu amigo Viktor Hartman, artista e arquitecto, falecido um ano antes.

Originalmente compostas ao piano, estas peças foram, já depois da morte do compositor, alvo de vários arranjos e adaptações. Mikhail Tushmalov foi, em 1886, o primeiro a assinar arranjos sobre estas peças. Mas coube a Maruice Ravel, em 1922, o arranjo que hoje é quase tido por canónico, tantas vezes que foi gravado e apresentado ao vivo desde então. Estes ‘quadros’ de Mussorgsky continuaram a atrair a curiosidade de músicos de outras gerações e géneros. Em 1971 os Emmerson Lake & Palmer levaram a obra a disco. O músico japonês Isao Tomita trabalhou um arranjo electrónico em 1978. E, em 2002, Amon Tobin usou um fragmento da obra de Mussorgsky no seu álbum Out From Where.

Foram as pinturas e a grande amizade de Mussorgsky com Viktor Hartmann (1834-1873) quem inspirou Quadros Numa Exposição. Antigo estudante de Belas Artes em São Petesburgo, trabalhou essencialmente como ilustrador de livros e como arquitecto. As aguarelas e desenhos “livres” que deixou foram, na sua maioria, pintadas em viagem. De comum com a música de Mussorgsky, que conheceu em 1870, esta pintura revelava uma atenção por motivos tradicionais russos. A sua morte, causada por um aneurisma, em 1973, motivou uma exposição de perto de 400 obras suas em São Petesburgo um ano depois. Foi nessa exposição, e em quadros concretos, que Mussorgsky se inspirou para criar Quadros Numa Exposição. A maioria dos quadros expostos nessa ocasião estão hoje dados como desaparecidos. Dos poucos cujo paradeiro é conhecido estão identificados seis que, se pensa, terão inspirado a música de Mussorgsky. Um deles, incluido neste post, representa o desenho de um portão idealizado para a cidade de Kiev.

Uma nova abordagem a Quadros Numa Exposição surge agora como peça central de um novo disco do maestro Gustavo Dudamel com a Orquestra Filarmónica de Viena (parceria que se estreou em disco em 2012 com uma gravação da Sinfonia Nº 3 de Mendelssohn). Nesta gravação, através de cuja edição Dudamel sublinhou, por alturas do seu lançamento, um relacionamento de mais um projeto educativo de inserção e aprendizagem através da música (o Superar), que colaborou depois na criação de um projeto multimédia que teve precisamente este registo como ponto de partida, Dudamel deixa o seu cunho pessoal numa direção viçosa, luminosa, como que animando os “quadros” em exposição.

O alinhamento inclui ainda, também de Mussorgsky, Noite No Monte Calvo e um momento de O Lago dos Cisnes de Tchaikovsky.

“Quadros Numa Exposição”, de Mussorgsky, por Gustavo Dudamel e a Orquestra Filarmónica de Viena está disponível em CD e nas plataformas digitais num lançamento da Deutsche Grammophon.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: