Últimas notícias

Tianzhuo Chen abre a BoCA – Biennial of Contemporary Arts

Texto: JOSÉ RAPOSO

O artista chinês Tianzhuo Chen, em colaboração com a nepalesa-tibetana Aisah Devi e o coletivo Asian Dope Boys, apresentam no Lux/Frágil uma performance musical que promete lançar o mote para uma programação assumidamente transversal e multidisciplinar.

Arranca hoje a primeira edição da bienal de arte contemporânea BoCA – Biennial of Contemporary Arts, que irá decorrer até dia 30 de abril nas cidades de Lisboa e Porto, contando ainda com uma expansão da sua programação a outros pontos do país ao longo do ano. A BoCA terá o momento de abertura logo à noite pelas 23.00 horas no Lux/Frágil com um concerto-performance do artista chinês Tianzhuo Chen, em colaboração com a musica nepalesa-tibetana Aisah Devi e o coletivo Asian Dope Boys, numa performance musical que promete lançar o mote para uma programação assumidamente transversal e multidisciplinar, assente em quatro eixos de atuação: produção, programação, difusão e educação artística.

A obra de Tianzhuo, ao fazer da experiência estética um encontro fortuito e transgressivo entre símbolos religiosos e ícones oriundos das mais variadas culturas urbanas torna-se assim a porta de entrada para uma das grandes linhas estruturantes da bienal: pensar e viver os museus, teatros, galerias, discotecas e o próprio espaço público na sua condição de “novos templos de uma sociedade que é hoje confrontada com reformulações (e ameaças) dos pilares da democracia, com a emergência de ideologias extremas que fazem propaganda da separação, do medo e da incerteza. “, conforme se pode ler no editorial assinado pelo diretor artístico.

Sob direcção artística de John Romão, encenador, ator e programador que tem vindo a desenvolver um trabalho no campo do teatro contemporâneo e nos cruzamentos disciplinares, a BoCA estabelece uma parceria com cerca de 30 instituições culturais do país e com mais de 40 artistas nacionais e estrangeiros, a maioria com obras em estreia mundial. O objetivo passa pela criação de uma “rede de sinergias”, capaz de criar um espaço de diálogo plural, crítico e estético entre grupos e comunidades que não estão habituados a comunicar entre si. Este dinamismo institucional atravessa assim uma série de propostas da programação, como é caso da instalação apresentada no Museu Nacional de Arte Antiga pelo encenador e dramaturgo argentino Rodrigo Garcia e que, ao partir de uma das obras mais emblemáticas do MNAA – o tríptico As Tentações de Santo Antão de Hieronymus Bosch (1505), estabelece um jogo entre esse património e um dos objetos mais populares da cultura do século XX: a máquina de flippers das épocas disco e pop; ou o recital/instalação duracional a partir da obra musical de Hildegarda de Bingen (séc. XII), que “coloca as suas visões ao serviço do divino através de uma relação carnal e meditativa”, a ser apresentado no Teatro Nacional de São Carlos por François Chaignaud e Marie-Pière Brébant.

Chaignaud é justamente um dos quatro artistas com residência artística nesta primeira edição: para além do coreógrafo e performer francês, a bienal terá também como artistas residentes a realizadora de cinema portuguesa Salomé Lamas, a performer e artivista cubana Tania Bruguera, e a dupla de artistas visuais portugueses Musa Paradisíaca, que em conjunto possibilitam uma “relação aprofundada com artistas de territórios artísticos e países diferentes, pensando em conjunto, conhecendo as suas motivações, ajudando a produzir e estreando em Portugal obras novas abertas ao mundo.”

O programa completo pode ser consultado no site da bienal.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: