Últimas notícias

“Moon Safari” faz vinte anos

Texto: NUNO GALOPIM

Editado a 16 de janeiro de 1998 o álbum de estreia dos Air, “Moon Safari”, vincou o momento de exposição internacional da música francesa nos anos 90 e apresentou pontes que cruzavam tempos e formas para a música eletrónica.

Em meados dos anos 90 uma movimentação de nomes agitaram as águas da música que se fazia em França e, como não acontecia há muito, gerou uma série de fenómenos que cruzaram fronteiras e comunicaram mais além. Em comum em muitos deles havia um focar das atenções nas eletrónicas, procurando sobretudo o encontrar de dinâmicas de encontro entre as novas formas da música de dança (house e periferias) e ecos de teclados de outros tempos ou o cruzamento com outras formas, das periferias do jazz ao lounge. Entre esses nomes havia uma dupla de Versalhes que começara a lançar singles em 1995, porém, até ali, ainda sem visibilidade maior. Faltava o cartão de visita certeiro para que a sua música chegasse mais longe. E assim foi, em 1998, com um single e um álbum que colocaram o seu nome no mapa, usando como ferramenta de comunicação o facto de serem uma banda francesa… “French band” era, então, um bom sinal de recomendação, está visto… E a verdade é que, depois do impacte do single Sexy Boy, o álbum Moon Safari fez dos Air um caso sério do ano, um episódio decisivo na história da música eletrónica e uma referência maior da música francesa do seu tempo.

O que traziam os Air de tão cativante? Uma música que, mesmo profundamente contemporânea, transportava ecos de memórias. Memórias que se materializavam tanto nas formas das canções (por vezes quase com piscadelas de olho ao progressivo) como na utilização de teclados analógicos que juntavam assim à lista de ingredientes uma série de sabores que abriam janelas no tempo.

Sexy Boy foi um bom cartão de visita. A ele juntaram-se Kelly Watch The Stars e All I Need, singles que asseguraram que o rótulo de “one hit wonder” não seria de todo aplicado aos Air. Na verdade o efeito de encantamento de Moon Safari foi tal que levou mesmo à edição de uma antologia que permitiu recuperar os singles anteriores, lançando assim as bases para uma carreira que acabaria por marcar o panorama pop da viragem do século.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: